Ministro do Planejamento reafirma o pagamento de auxílio aos municípios

Apesar de contingenciamento de R$16,2 bilhões no orçamento federal deste ano, o ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, reafirmou o pagamento do auxílio financeiro aos municípios. Prefeituras aguardavam o recurso no fim do ano passado, mas na última hora o governo federal mudou o cronograma e até agora a verba não foi liberada.

Em reunião com lideranças do movimento municipalista, o ministro garantiu que vai enviar o projeto ao Congresso Nacional ainda esta semana para realocar recursos para o pagamento do auxílio financeiro aos municípios.

Oliveira também adiantou que o projeto estabelecerá vinculação do recurso para três áreas, obedecendo a seguinte distribuição: 50% para a Educação, 30% para a Saúde e os 20% restantes para a Assistência Social.

Desde o ano passado, gestores municipais de todo o país aguardam a liberação do auxílio, prometido pelo governo federal. A liberação efetiva da verba para as prefeituras só ocorrerá depois da aprovação do projeto pelo Congresso.

Segundo levantamento, Uberaba aguarda repasse extra de aproximadamente R$1,6 milhão. Uberlândia também tem repasse estimado de mesmo valor. Patos de Minas deverá receber R$1,5 milhão. Araxá e Ituiutaba têm repasse estimado de R$927,7 mil. Já Patrocínio deverá receber R$811,8 mil e Frutal, R$637,8 mil. As demais prefeituras do Triângulo Mineiro devem receber valores de R$173,9 mil até R$405,9 mil.

Com informações do JMOnline e Revista VOX

Categories: Notícias

Comments

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inline
Please enter easy facebook like box shortcode from settings > Easy Fcebook Likebox
Inline
Please enter easy facebook like box shortcode from settings > Easy Fcebook Likebox